terça-feira, 7 de dezembro de 2010

EMOÇÃO MARCA PRIMEIRO DIA DE GRAVAÇÃO


Jeova Nissi faz belo espetaculo na gravacao de A Diretoria

“Assisti ao filme A diretoria, mas ver a gravação da peça adaptada pelo Jeová Nissi foi realmente impactante!”. A declaração de Glaucia Monteiro, 25 anos, já deixa claro como o espetáculo foi emocionante. Apesar de, no novo roteiro, haver algumas cenas engraçadas, manteve-se intacto o efeito do drama, que expõe, de maneira simples e objetiva, aquilo que acontece no mais íntimo de uma pessoa no momento em que ela se decide por Jesus. Para Ygor, o trabalho será mais uma ferramenta a fim de que pessoas sejam alcançadas para o Reino de Deus. “A história mostra como o Espírito Santo fala à nossa alma quando meditamos a respeito da eternidade. E ela ganhou um ‘tom’ diferente com o grupo do Jeová Nissi”, diz o diretor da Graça Filmes.

O evento, realizado na Igreja Internacional da Graça de Deus (IIGD) em Madureira, contou com o total apoio do pastor Rogério Postigo e de todo o grupo de obreiros da congregação. “Sempre oramos por parceiros e pessoas que nos apoiem nas visões que Deus nos dá com o propósito de alcançarmos mais vidas para o Senhor Jesus”, acrescenta Ygor.

Outro parceiro nessa produção foi a Rede Internacional de Televisão (RIT) do Rio de Janeiro. “Depois que tomamos a decisão de adaptar a peça, conversamos com Roberto Ciantelli, diretor da RIT (RJ), o qual achou que valeria a pena o investimento. O diretor está gravando tudo em High Definition, e aproximadamente 20 pessoas estão envolvidas no projeto. “Com efeitos visuais e sonoros, a produção certamente vai dar o que falar”, afirmou Ciantelli. Quem perdeu a gravação da peça na versão masculina ainda pode assistir à feminina. “A ideia foi do Caíque Oliveira, diretor do grupo Jeová Nissi, após ler o roteiro original e fazer a adaptação. Com certeza, no momento da decisão, as mulheres reagem de modo muito diferente no seu interior. O resultado desse roteiro feminino você pode ver amanhã”, completa Ygor Siqueira.

Fonte: CREIO
Postar um comentário